Os Crimes de Charles Manson Vão Dar Origem a Três Novos Filmes

Leonardo DiCaprio, Matt Smith e Hilary Duff são três dos atores envolvidos nestas películas. Por: Vítor Rodrigues Machado -- Imagem: © BBC1/Warner Bros/Metro Goldwyn Meyer.

Foi no final da década de 60 que o nome de Charles Manson se tornou conhecido, mas, como é do conhecimento geral, pelos piores motivos. Com a ajuda do seu culto, conhecido como a «Família Manson», que vivia em comunidade no Spahn Ranch, o serial killer foi responsável por mandar assassinar oito pessoas no espaço de um mês, no estado norte-americano da Califórnia. Entre as vítimas estavam Sharon Tate, a atriz e mulher de Roman Polanski, que na altura estava grávida, e quatro amigos do casal; o músico Gary Hinman; e o casal Rosemary e Leno LaBianca.

Os atos sangrentos do grupo nunca foram esquecidos, e agora, meses após o líder ter perdido a vida na prisão, surgem as notícias de que Manson vai voltar a tornar-se no centro das atenções com a produção de três novos filmes.

 

O filme sem título de Quentin Tarantino

A notícia chegou no passado mês de janeiro, avançada pela Variety, e foi a primeira sobre uma obra deste género. De acordo com a publicação, Quentin Tarantino será o responsável por realizar este filme que deverá girar em torno da história dos crimes cometidos pela família Manson, em 1969, e terá um elenco de luxo. Leonardo DiCaprio, Margot Robbie, Brad Pitt, Tom Cruise, Samuel L. Jackson e Al Pacino são alguns dos nomes de possíveis participantes, destacando-se entre todos uma possível participação do realizador Roman Polanski.

Este filme deverá chegar os cinemas no final de 2019.

 

Charlie Says com Matt Smith

Depois de ter interpretado o papel do Príncipe Philip em The Crown, Tom Smith prepara-se para dar vida a Charles Manson no filme Charlie Says. Esta película, realizada por Mary Harron, a responsável por Psicopata Americano, deverá focar-se principalmente nas três jovens raparigas da Família Manson: Hannah Murray, Odessa Young, Marianne Rendon, que foram condenadas à morte e depois viram a sua pena alterada para prisão perpétua.

Confirmados para a película estão Matt Smith, e Suki Waterhouse que vestirá a pele de Brunner.

 

The Haunting of Sharon Tate com Hilary Duff

Foi graças a uma publicação feita pela atriz no Instagram que tivemos conhecimento deste novo e último filme, alvo de duras críticas por parte da irmã de Sharon Tate que à People o descreveu como, «sem classe», e «sem gosto», acrescentando ainda: «é incrível como toda a gente se está a apressar para criar algo para celebrar o 50º aniversário deste evento horrível».

Segundo a Deadline, este filme realizado por Daniel Farrands, acompanha os últimos dias de Tate, olhando para o crime a partir da sua perspectiva. Toda a trama é inspirada por uma frase de Tate, numa entrevista publicada um ano antes de morrer, onde revelava ter sonhado com a sua morte às mãos de um culto satânico.