Duas Amigas & Um Renault 4 L

Rita Alçada e Maria Mendes pepraram-se para partir num rally a bordo de uma 4L. A ELLE foi falar com elas!

Rita Alçada e Maria Mendes são as duas amigas que compõe a Dock 38 Team, a equipa portuguesa no 4L Trophy. E porque o nome não engana, as duas estudantes universitárias de medicina preparam-se para passar os próximos 10 dias deste rally de 6000 km que atravessa Espanha, França e Marrocos, a bordo de um clássico Renault 4L.

Uma iniciativa, com data de início marcada para 13 de fevereiro, onde o propósito último não se trata, apenas, de cruzar a meta em primeiro, mas principalmente de contribuir para a causa humanitária da ONG Enfants du Désert.

E porque aventuras destas não acontecem todos os dias, a ELLE falou com Rita Alçada sobre esta viagem na qual se prepara para embarcar.

A entrevista é para ler, em baixo:

 

ELLE: Como é que decidiram partir nesta aventura?

Rita Alçada: Um amigo meu já tinha participado neste rally e o meu primeiro carro foi um Renault 4L. Eu adoro a 4L e adoro conduzir, por isso fiquei logo conquistada! Quanto à Maria, ela também adora conduzir e o pai também tem uma 4L. A nossa relação de amizade é fantástica, por isso eu desafiei-a e ela alinhou!

 

ELLE: O que é torna a Renault 4L tão especial? O que é que tem que os outros carros não têm?

R.A.: Bem, foi o meu primeiro carro! E por ser um carro antigo a condução é, sempre, diferente, bem mais real.

 

ELLE: É um caso de amor com a 4L?

R.A.: Sim, definitivamente!

 

ELLE: Então aproveitaram para combinar um caso de amor com o propósito humanitário.

R.A.: Sim, foi essa combinação, essa simbiose perfeita, que nos conquistou e que nos levou a dizer “Sim, queremos mesmo fazer isto!”.

 

ELLE: Estão no início, o que é que esperam atingir no final?

R.A.: Queremos divertir-nos claro e fazer o nosso melhor! Se ganharmos é perfeito, mas se não ganharmos vamos ficar igualmente felizes!

 

ELLE: E a nível pessoal, o que é que esperam desta experiência?

R.A.: Acho que vai ser muito enriquecedor para nós ver outras realidades e culturas. Vamos ter contato direto com a ONG e as crianças que ajudam, mas também com as populações locais. 

 

ELLE: E têm algum medo?

R.A.: Acho que não, pelo menos por agora!

 

ELLE: Boa sorte!

R.A.: Obrigada!

 

Pode ir acompanhando as novidades da viagem da Dock 38 Team no Facebook

  •  

  •  

  •  

  •